Qual a diferença entre os sistemas PACS e DICOM?

qual a diferença entre pacs e dicom

PACS e DICOM são dois termos bastante utilizados quando falamos em gerenciamento de imagens médicas na área da saúde. Mas, não se engane! Os dois modelos desempenham funções diferentes, como você poderá entender mais abaixo.

Continue a leitura e entenda a diferença em detalhes sobre os sistemas PACS e DICOM.

Gerenciamento de imagens médicas

O gerenciamento de imagens médicas no ambiente virtual tornou-se uma prática comum com o aumento da demanda na área radiológica. Nesse sentido, obter infraestrutura e armazenamento adequados para acessar os registros dos pacientes foi mais que necessário.

Por isso, a seguir detalhamos alguns dos métodos, como PACS e DICOM, populares no âmbito do compartilhamento e arquivamento de imagens médicas em nuvem.

O que é o Sistema PACS?

PACS, do inglês “Picture Archiving and Communication System”, é o nome dado ao sistema

que possibilita a comunicação e o arquivamento de imagens de forma segura e padronizada.

Dessa forma, por meio de um software, é possível trabalhar as imagens captadas dos pacientes de diversas formas, de modo a garantir mais praticidade e agilidade no tratamento das informações.

Funcionamento do Sistema PACS

Entenda como o Sistema PACS proporciona a interação entre ambientes viabilizando a manipulação e armazenamento seguro de imagens médicas.

Basicamente, o sistema consiste na realização de cinco etapas básicas:

1) Equipamentos: Na primeira etapa, os equipamentos utilizados nos exames diagnósticos captam imagens da parte do corpo desejada;

2) Servidor: Após a captação, os registros são transmitidos pelo equipamento a um servidor de imagens, por meio de um protocolo de transferência, que determina em que formato estarão, como o DICOM, por exemplo, que explicaremos em breve.

3) Transmissão de dados: Neste momento, os dados transmitidos são armazenados em um banco de dados do próprio servidor e/ou numa estrutura de dados externa, a exemplo da nuvem (local de arquivamento na internet).

4) Armazenamento: Na quarta etapa, as informações armazenadas ficam disponíveis para visualização em estações de trabalho (offline) ou sistemas localizados na web, como as plataformas utilizadas por empresas de telemedicina.

5) Acesso: Por fim, os dados podem ser adquiridos por pacientes e profissionais de saúde, desde que estejam autorizados a baixar, imprimir ou salvar essas informações.

O que é o DICOM?

DICOM é um conjunto de normas criado para assegurar a troca e o armazenamento seguro das imagens médicas. A norma, convencionada nos anos 80, possui o intuito de facilitar a interpretação das informações provenientes da digitalização dos exames médicos.

Dessa forma, é possível estruturar referências no diagnóstico de imagens, permitindo que diferentes profissionais possam trabalhar as informações, independentemente do fabricante ou modelo do equipamento.

Resumo: PACS x DICOM

Sendo o PACS o software utilizado para comunicar informações médicas, e o DICOM o padrão de imagens médicas obtidas em equipamentos de exames de imagem, as duas soluções se complementam.

Ou seja, trabalhando de maneira conjunta, o DICOM e o PACS permitem que os exames sejam transmitidos em segurança e as informações sejam acessadas e compartilhadas pela internet de forma padronizada, contribuindo para diagnósticos mais precisos e ágeis.

Solicite uma demonstração do Sistema PACS e experimente benefícios ainda maiores, como diminuição de custos e maior qualidade dos processos internos.

O mais Completo PACS Cloud em suas mãos.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Mobilemed

Facilitamos o trabalho do médico radiologista com tudo o que ele precisa em um PACS 100% CLOUD. 

Cadastre-se para receber nossa Newsletter!

Soluções
Siga-nos
Selo GPTW 2024-2025
selo

© 2024 Mobilemed. All Rights Reserved.