Checklist: Como Laudar de forma rápida e eficiente com alta produtividade e qualidade

Como Laudar de Forma Rapida e Eficiente

Os laudos médicos estão presentes na rotina de clínicas e hospitais devido à realização diária de exames. Desse modo, o funcionamento destes estabelecimentos dependem da sua qualidade e os gestores devem buscar soluções para a otimização do processo.

Entretanto, é importante destacar que não adianta fazer uma emissão alta de laudos sem que eles sejam pensados com foco na qualidade. Diante disso, o presente artigo dará algumas dicas de como conseguir aliar as suas coisas para entregar laudos de qualidade aos pacientes.

Veja mais sobre isso a seguir!

Como elaborar laudos de forma rápida e eficiente?

A emissão de laudos médicos de qualidade é a base de qualquer diagnóstico assertivo. Desse modo, ela é capaz de garantir que um determinado exame não precise ser refeito para obter respostas. Portanto, estas dicas podem ajudar a atingir estes objetivos.

Torne o acesso às informações dos pacientes facilitado

A elaboração de um laudo médico depende da análise das informações do exame. Assim, é possível chegar a uma conclusão e, portanto, a um diagnóstico. Assim, questões como o perfil do paciente, o seu histórico e as suas doenças associadas devem estar disponíveis com facilidade.

Outras informações pertinentes para a elaboração são:

  • Considere os exames laboratoriais;
  • Considere os exames de imagem anteriores e faça análises comparativas;
  • Observe os sintomas e os sinais clínicos apresentados previamente.

Sistema PACS

Teste Grátis por 7 dias. Solicite Agora!

Volume de Exames
(por mês)

Procure checar todos os componentes do laudo médico

Para que um laudo médico seja considerado completo e claro, é preciso que ele conte com informações pertinentes. Desse modo, eles precisam cumprir os seguintes tópicos:

  • Nome completo do paciente;
  • Nome do médico e da clínica responsável pela realização do exame;
  • Informações importantes sobre o paciente, como idade e peso;
  • Motivo da solicitação do exame;
  • Descrição detalhada do exame;
  • A técnica usada para o exame;
  • Impressões diagnósticas.

Faça exames de qualidade

A qualidade dos laudos médicos tem ligação direta com a qualidade dos exames realizados. Isso é potencializado no caso do diagnóstico por imagem e as falhas nesse sentido podem acabar gerando dificuldades para a descrição do exame.

Logo, é importante ter atenção aos seguintes itens para evitar este cenário:

  • Não use equipamentos ultrapassados;
  • Confira o posicionamento do paciente e peça para que ele não se mexa durante o procedimento;
  • Ofereça treinamentos de capacitação para os colaboradores para garantir o treinamento adequado para a realização dos exames.

👉Leia também: Melhores softwares para você laudar onde estiver

Otimize os processos

Mesmo as clínicas e laboratórios que têm um funcionamento positivo precisam encontrar maneiras de melhorar. Uma delas é a otimização dos processos envolvidos na realização dos exames e na elaboração dos laudos médicos.

Uma forma de conseguir atingir este objetivo é usar a tecnologia a seu favor. Softwares de gestão estão se tornando cada vez mais populares e podem poupar muito tempo em tarefas cotidianas, fazendo com que os profissionais tenham mais tempo para se dedicar ao diagnóstico.

Mantenha os prontuários sempre atualizados

O prontuário é o local que conta com as informações dos pacientes. Assim, questões como os medicamentos ingeridos, os tratamentos prévios e outros diagnósticos devem estar presentes nele. Desse modo, a atualização e o detalhamento são características indispensáveis.

Gostou do conteúdo? Entre em contato conosco através do site e solicite uma demonstração!

Compartilhe essa publicação!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no google
Compartilhar no linkedin

Sistema PACS

Teste Grátis por 7 dias!

Talvez você goste também